Vendendo mais caro!

Vendendo mais caro!

Want create site? With Free visual composer you can do it easy.

Nos dias de hoje, somos continuamente pressionados a superar metas agressivas de faturamento, rentabilidade, positivação, recebimento e de participação no potencial dos nossos clientes. Como vender mais caro e assegurar margens lucrativas para a sua empresa? A teoria é fácil: Basta o vendedor apresentar a oferta de modo convincente, para que o comprador concorde e formalize o pedido sem hesitar. Assim, ambas as partes ganham com o resultado da negociação (ganha-ganha). Básico! Na prática, esse jogo ganha mais complexidade. Os poucos minutos destinados à negociação exigem do vendedor preparo, independência e visão de todo o processo decisório. Saber diferenciar alguns conceitos de vendas pode ajudar no alcance de resultados. Um ponto relevante é a diferenciação entre caro e barato. Ouvir de um comprador que seu produto é caro pode significar um vício de negociação dele ou então que sua oferta não está dimensionada ao tamanho das expectativas negociais. Por outro lado, apresentar algo barato estabelece a ausência de diferenciais competitivos. No final, a discussão terá como palco o conflito entre preço e valor. De um lado, saber precificar nossas ofertas é uma importante estratégia de marketing. Em que se deve avaliar o ciclo de vida dos nossos produtos e a guerra entre os concorrentes (players). Para identificar as regras dos líderes, das marcas desafiantes, das empresas que seguem o mercado e das que ocupam os nichos. Segundo Kotler, podemos optar entre cinco diferentes estratégias de preço: Penetração: foco em ser o menor preço na categoria e assegurar que, quanto maior a venda, maior a redução dos custos (escala). Como benefícios devem ser valorizados os aspectos logísticos, financeiros e de remuneração do capital. Skimming ou Premium price: são os produtos de alto diferencial competitivo, mais caros e com a abordagem de seletividade, de processo artesanal e exclusivo. Como benefícios são explorados atributos como design, séries limitadas, estilo de vida (lifestyle) e diferenciação social. Retorno satisfatório ou Mark up: empresas com sistemas produtivos seriados optam pela estratégia de estabelecer uma margem fixa de interesse da empresa, que seja satisfatória. Como benefícios são oferecidos o suporte assistencial, a fidelização no fornecimento, o atendimento diferenciado dos vendedores e os contratos de longo prazo. Recuperação de caixa: são os produtos de grande impacto na fase de lançamento, destacando-se pela inovação, modismo e ou tecnologias. Apresentam-se inicialmente com preços altos, reduzidos posteriormente. São destacados os benefícios de exclusividade, antecipação à concorrência e sazonalidade. Promoção de linha ou Impulsores: são as linhas de produtos com extensão e profundidade, posicionando o produto de maior giro como carro-chefe e adotando a estratégia de preço baixo na categoria e os demais produtos da linha com margens superiores. Como benefícios, os vendedores justificam o aumento do ticket médio de compra, rentabilidade da linha, margem de contribuição e a fidelização de clientes defensores da (heavy users).

Quanto maior o preço, maior a necessidade de agregar benefícios tangíveis, que signifiquem ganhos objetivos e mensuráveis ao cliente. Trata-se de agregar valor. E vale lembrar que valor é algo próprio, por vezes pessoal e quase sempre subjetivo. Um comprador que vive a experiência de ter a linha de produção parada, pela não entrega de matéria-prima, tem uma triste percepção do preço que se paga por uma negociação mal feita. Portanto, devemos compreender o que significa valor, de forma distinta, para cada um de nossos clientes.

Penso que para podermos vender mais caro os nossos produtos, ou melhor, para agregarmos valor as nossas negociações, vale a pena lembrar-se de algumas dicas de vendas: Primeiro devemos saber perder clientes, pois nem todo cliente é interessante para a nossa empresa. Também devemos saber “flexibilizar” nossas ofertas, ampliando o escopo dos serviços agregados. Além de esgotar todas as alternativas de negociação com os nossos clientes, mapeando seus valores, medos empresariais e os seus ritos de decisão. Se, ao final de tudo, sua oferta for similar a do seu concorrente, lembre-se que a forma como você trata o seu cliente é uma ferramenta valiosa para agregar valor às negociações.

Edison Talarico

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

About The Author

admin